SÉRGIO SILVA: Juíza cita repasses entre prefeitura de Joinville e rádio para afastar diretoria

PUBLICADO: 27/07/2019 - 18:28 | ATUALIZADO: 27/07/2019 - 18:35

SÉRGIO SILVA | FALE CONOSCO

A Juíza de Direto da 2 Vara Cível de Joinville, determinou o afastamento da atual direção da Rádio Floresta Negra Ltda (Nativa FM).

Na decisão à juíza friza que existe à fundada suspeita de desvios de verbas envolvendo à Rádio Floresta Negra Ltda e cita à Assembléia Legislativa de Santa Catarina (ALESC) e também com a Prefeitura de Joinville (PMJ).

A base: A Rádio Floresta Negra (Nativa FM), estaria sendo usada também para promover publicidade com dinheiro público, mas as notas fiscais e recebimentos pelos serviços sendo pagos a Manchester Vídeo Produções (Tv da Cidade e Jornal da Cidade), a decisão da justiça usou os fatos acima para embasar o afastamento da atual direção.

Decisão: Juíza ainda determinou que um administrador judicial assuma a direção da Rádio Floresta Negra (Nativa FM). Segundo apurado, à atual direção já foi notificada da decisão judicial.



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.