SÉRGIO SILVA: Joinville agiliza licenças após efeito Luciano Hang

PUBLICADO: 30/07/2019 - 16:19 | ATUALIZADO: 30/07/2019 - 16:20

SÉRGIO SILVA | FALE CONOSCO

A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Joinville (SAMA), esteve na noite desta segunda (29) na Associação Empresarial de Joinville (SC), para falar sobre as mudanças no órgão.

De acordo com o diretor da Sama Caio Amaral, os processos de licenças estão em ritmo mais acelerado após mudanças internas, como troca de 25% dos profissionais, contratação de novos técnicos e ampliação no horário de trabalho.

De acordo com Caio, antes da mudança havia 1.607 processos em trâmite, hoje após às mudanças são cerca de 1.082.


Geração de empregos: O Presidente da ACIJ João Martinelli fez cobrança ao diretor da SAMA para os empreendimentos à espera de licenças que tem a geração de empregos como foco, ddeveriam ser separadas para que coisas do tipo “Poda de uma árvore“, não atrase a geração de empregos.

Desde que haja uma normatização, com as regras claras, públicas, publicadas é possível estabelecer quais as filas de análise porque o coletivo sobrepõe ao interesse individual, neste aspecto defendo a publicidade aos procedimentos de interesse social”, disse Martinelli.


Efeito Luciano Hang: Todas as questões relacionadas à SAMA tiveram um despertar do executivo após a manifestação do empresário Luciano Hang da Havan divulgar um vídeo em que criticava o órgão e a prefeitura.

Logo após a recuperação do caso, ele esteve em audiência pública na Câmara de Vereadores (CVJ), onde destacou os problemas enfrentados no município e em outras cidades para concessão de alvarás.



DEIXE SEU COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.